Ambiente na escola – Dicas para melhorar

Anúncios

O aprendizado e o desenvolvimento de crianças e adolescentes como pessoas independentes e conscientes depende de uma série de coisas, inclusive do ambiente na escola.

Aliás, saiba que o ambiente e o desenvolvimento das relações dentro da escola são tão importantes quanto a qualidade dos conteúdos e a preparação dos professores. Portanto, requer atenção.

Mas como desenvolvê-lo de modo que ele atue favoravelmente em prol do desenvolvimento dos estudantes? A resposta inclui uma série de estratégias que, ao serem colocadas em prática, transformam positivamente a educação. Abaixo, conheça algumas delas!

Aprenda como construir um excelente ambiente na escola

Separamos 6 dicas que vão ajudar na transformação do ambiente escolar para melhor e ajudar no desenvolvimento dos estudantes tanto para fins educacionais, assim como na qualidade de cidadãos e na percepção do mundo.

1 – Promova e exalte a diferença entre as pessoas

Em primeiro lugar, a construção de um ambiente na escola que seja justo e saudável depende da promoção do respeito ao próximo. Isso é algo intrínseco ao mundo e cabe aos educadores mostrarem a importância dessa questão.

O diferente, portanto, deve ser respeitado. Isso se refere a diferentes questões, sejam elas sociais, etárias ou particulares. Igualmente, em relação aos diversos tipos de deficiências ou mesmo de interesses do dia a dia.

Portanto, cabe à escola informar sobre a necessidade de respeito e amor ao próximo, combater atitudes de depreciação do ser humano e atitudes que podem prejudicar nosso semelhante.

Assim, a escola pode ajudar para que os alunos entendam o respeito pelas pessosa como algo natural e positivo, seja quais forem os valores ou preferências de vida dessas pessoas.

2 – Integre comunidade e escola

A escola faz parte da sociedade e, por isso, aproximá-la da comunidade é crucial para a construção de um ambiente saudável. Para isso, é possível promover eventos que convidem os membros da comunidade a participar dela.

VEJA TAMBÉM:  Atividades de alfabetização 3º ano

Uma estratégia bastante utilizada é convidá-los a dar aulas ou orientações de maneira gratuita. Por exemplo, que envolvam dança, teatro, esportes, culinária e outras questões interessantes.

3 – Aproxime a escola e os pais e responsáveis

Assim como a comunidade, a família é parte importante do desenvolvimento das crianças e adolescentes. Por isso, devem estar envolvidos no dia a dia escolar. E isso vai muito além da participação de reuniões.

Convidar as famílias para a promoção e organização de eventos é uma excelente maneira de aproximá-las da instituição. Ainda, isso auxilia na criação de uma noção comunitária entre as próprias famílias cujos filhos estão na mesma escola.

4 – Trabalhe a saúde mental 

A saúde mental se tornou um assunto de extrema importância em todas as áreas, seja no trabalho, na família ou na escola. As instituições de ensino, portanto, devem atuar em favor da promoção dela.

Para isso, pode trazer para a sala de aula assuntos que envolvam a saúde mental e transtornos que a afetam, tais como depressão e ansiedade. Com isso, torna-se uma aliada no combate aos tabus que afetam esse tema.

Aliás, a escola deve tratar deste assunto não apenas durante o Setembro Amarelo, mas durante o ano todo. Outras estratégias que são efetivas se referem à abertura para o diálogo com os alunos, a resolução de problemas e o oferecimento de atendimento psicológico.

Com tudo isso, a escola cumpre ainda melhor o seu papel dentro da construção de uma sociedade mais justa e acolhedora.

5 – Customize a sala de aula

A quinta dica para transformar o ambiente na escola em algo positivo aos alunos e à educação é a customização da sala de aula. Neste caso, estamos nos referindo à adição de elementos que possam aproximar os estudantes dos conteúdos.

VEJA TAMBÉM:  Texto para trabalhar aumentativo e diminutivo

Por exemplo, adicionar cartazes e pôsteres que tragam informações resumidas sobre um conteúdo ou, então, questões que despertem a curiosidade dos estudante. Igualmente, objetos que possam ser utilizados para práticas durante as aulas.

Ainda, é possível criar cantos da leitura, bem como utilizar espaços para expor trabalhos feitos pelos estudantes. Tudo isso os aproxima do ambiente escolar e faz com que sintam mais à vontade nele.

6 – Aposte em ambientes e atividades extracurriculares

Por fim, o ambiente na escola também se beneficia do desenvolvimento de atividades extracurriculares e de ambientes externos voltados a eles. Por exemplo, hortas e noções sobre o cultivo de plantas; cozinha comunitária e aulas de culinária.

Desse modo, o ambiente se torna cada vez mais interessante e oferece uma gama enorme de possibilidades aos alunos

10 dicas práticas para melhorar o ambiente na escola

  1. Promova uma comunicação aberta e eficaz entre alunos e professores.
  2. Estabeleça regras claras e consistentes para o comportamento dos alunos.
  3. Incentive o respeito mútuo e a empatia entre os alunos.
  4. Crie um ambiente de aprendizado positivo e engajador.
  5. Adapte as estratégias de ensino para atender às necessidades individuais dos alunos.
  6. Crie oportunidades para a colaboração e o trabalho em equipe.
  7. Ofereça feedback construtivo e individualizado aos alunos.
  8. Reconheça e celebre o sucesso dos alunos.
  9. Garanta um ambiente físico limpo e organizado.
  10. Incentive a participação dos pais e responsáveis no processo de aprendizado dos alunos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo